52019abr.
Aplicativos para frete de cargas garantem redução de custos e aumento de renda

Aplicativos para frete de cargas garantem redução de custos e aumento de renda

Aplicativos para frete de cargas garantem redução de custos e aumento de renda


Saiba como optar por uma transportadora digital que opera de qualquer lugar para qualquer outro, sem a necessidade de grandes e onerosos custos operacionais, por meio de prepostos franqueados e uma longa lista de veículos credenciados, com gerenciamento de riscos e seguro.


Aplicativos para o transporte de cargas são uma febre no mundo todo. Possuem variadas funções e levam a um mesmo objetivo: diminuir entraves operacionais. Mas há quem diga que as vantagens vão muito mais além da demanda de fretes e oferta de veículos para transporte.

Nos Estados Unidos o setor de transporte passa por uma revolução tecnológica. Aplicativos para o casamento de cargas e caminhões não são mais novidade por lá. Uber Freight, Convoy, UShlp, TruckPath, Truck Parking são apenas amostras para o mercado brasileiro.

Aqui no Brasil se caminha, “a passos largos”, aos avanços dessa inovação. Aplicativos para frete garantem adoção de novos processos, um novo posicionamento de mercado, a redução de custos e o aumento da renda dos trabalhadores do setor.

Na maior economia do mundo o Uber Freight é o mais observado, porém, não o mais efetivo. Reportagem no jornal Folha de São Paulo informa que o serviço pode se tornar atraente no Brasil.

Segundo estudo de 2014, os caminhões brasileiros trafegam com 61% de sua capacidade de carga. Em 39% das viagens os veículos circulam vazios.
Nos EUA, a experiência é de aumento de 30% na renda dos caminhoneiros. Já há versões nacionais, que ainda engatinham, entre elas, as startups Fretebras e TruckPad.

O Brasil ainda está longe de gerar ganhos razoáveis aos caminhoneiros devido à falta de padronização e fiscalização dos fretes que acabam banalizados por anúncios sem parâmetro algum.

Os esforços agora estão concentrados na nova Tabela de Frete Mínimo, adotada pelo governo em maio de 2018, diante da maior paralisação de caminhoneiros da história do país.

A tabela resolveu um problema, mas gerou um outro pior: degolou o fôlego de empresas que contratam o transporte, encarecendo e muito, as operações de carga e descarga. O grande desafio é garantir a manutenção do serviço prestado, haja visto o fato dessas startups não fornecerem nada além de uma simples veiculação de frete.

Quem atua no setor de transporte de carga brasileiro sabe que há uma vasta lista de regras, obrigações e legislações, desde fiscais a criminais, oriundas da relação contratante X contratado e estes aplicativos não fornecem esses serviços.

Empresas como Uppertruck Freights e outras mais, já observaram essa necessidade do mercado e deram um passo à frente: fomentam a tecnologia para identificar a ociosidade de mercado e de mão de obra, gerando negócios mais rápidos e menos onerosos.

“Manter tarefas operacionais automatizadas, autônomos engajados e uma pronta resposta a novos obstáculos é o caminho mais simples para uma performance satisfatória. O segredo não está no que o aplicativo oferece cruzando apenas carga X caminhão, mas sim quando nos deparamos com recursos escassos às necessidades das empresas e pessoas. E isso, só a tecnologia possibilita”, comenta Ivan Ferreira, CEO da Uppertruck Freights.

A importância na contratação de um transporte é garantir não somente a entrega da carga, mas também seu monitoramento, documentação de viagem, ajustes de impostos, cobertura securitária, recolhimento devido de taxas – características próprias de cada estado do Brasil.

AirBnB do transporte de cargas

Sistemas de multifranquias de baixo investimento geram negócios para as empresas e oportunidade de trabalho a pessoas que buscam recolocação no mercado.

Era de meter medo a ideia de conversar com pessoas do mundo “virtual na realidade”: fazer compras sem sair de casa ou movimentar a conta bancária sem precisar ir até uma agência entre outras possibilidades. A inovação chegou para todas as áreas da economia e rompeu barreiras pragmáticas e paradigmáticas. Empreendedores do mundo inteiro investem em soluções inovadoras que cada vez mais proporcionam melhor custo benefício e qualidade de vida à população.

No transporte de cargas, setor que representa grande fatia do PIB nacional e que produz durante as 24 horas por dia, não está sendo diferente. Recursos como rastreamento, controle de manutenção e operação veicular, gestão de documentos e gerenciamento de riscos e rotas são aparatos que sofrem mutações tecnológicas dia após dia.

Pensando nisso, o empresário paulistano Ivan Ferreira de 36 anos, há 17 só neste segmento, enxergou uma oportunidade nunca pensada para o setor: transportar cargas de qualquer lugar para qualquer outro, sem a necessidade de grandes e onerosos custos operacionais. “Até aqui muitos outros negócios e portais estreitaram as relações entre embarcadores, transportadoras e prestadores autônomos com a ideia de redução de custos e aumento da produtividade”, comenta ele. Elas acertaram em cheio na lógica mas erraram feio no aspecto fiscal e jurídico. “Não garantir segurança e vínculo a quem contrata um transporte, é como entregar o ouro nas mãos do pirata”, reforça Ivan Ferreira.

Assim surgiu a Uppertruck em 2016. Uma empresa responsável por movimentação e transporte de cargas, que transporta de qualquer lugar para qualquer lugar, por meio de prepostos franqueados e uma longa lista de veículos credenciados, com gerenciamento de riscos e seguro.
O contratante faz sua cotação, solicita o embarque ou movimentação da carga e só acompanha o status na palma da mão, através de um aplicativo que monitora as operações, transparecendo a procedência do negócio. “Nossos franqueados apenas são responsáveis por esse casamento acontecer, garantindo aos nossos clientes conforto, clareza e melhores preços”.

Funcionalidades

Nesta plataforma da Uppertruck são oferecidos serviços de gerenciamento de riscos, geolocalização em tempo real, otimização de cargas, controle fiscal e Big Data & Analytics.

A reunião destes quesitos garante total confiabilidade, assertividade e principalmente a tão almejada redução de custos para empresas, deixando seus gestores tranquilos, livres e dedicados apenas no objetivo principal de suas companhias.


Fonte: Portal do Trânsito

Avalie esse post